Projeto em grotas de Maceió é único vencedor do Brasil esse ano no prêmio “Cidades Inteligentes”

Publicado em 19 de Novembro de 2020

Anúncio da premiação via transmissão online de Barcelona para governador Renan Filho (centro) e secretários George Santoro (esquerda) e Mosart Amaral (direita) 

Se as favelas dos morros cariocas já são conhecidas no mundo inteiro, as grotas, terrenos rebaixados em vales de encostas de morros onde vivem cerca de 300 mil pessoas em Maceió, continuavam até pouco tempo quase invisíveis em projetos de urbanismo internacional -- e até para muitos alagoanos.

Mas isso está começando a mudar. 

Na manhã desta quarta (18), o Vida Nova nas Grotas, desenvolvido nas grotas de Maceió, fruto da parceria entre o Governo de Alagoas e a ONU Habitat, foi o único projeto brasileiro premiado na edição 2020 do “World Smart City Awards”, um dos mais importantes prêmios voltados para iniciativas urbanas dentro do conceito de cidades inteligentes. 

Na premiação desse ano, transmitida online de Barcelona, na Espanha, o projeto de Alagoas levou o prêmio na categoria “Qualidade de Vida & Inclusão”, após vencer outros dois projetos finalistas na cidade de Istambul, na Turquia, e em Visakhapatnam, na Índia. 

“Estamos muito felizes e orgulhosos de nossa parceria com o Governo de Alagoas, que alcançou uma vez mais um grande reconhecimento internacional pelas ações do programa Vida Nova nas Grotas”, disse o representante regional para América Latina e Caribe do ONU-Habitat, Elkin Velásquez. “Esta iniciativa foca, por um lado, nas pessoas e nas comunidades mais vulnerabilizadas de Maceió, e, por outro, na produção de dados e informações para melhorar políticas públicas”, disse o colombiano radicado no Rio de Janeiro, que em 2019 falou com AGENDA A sobre o projeto (confira entrevista completa aqui). 

De acordo com o Governo do Estado, o programa já chegou a 54 das 100 comunidades previstas para serem beneficiadas. 

Na categoria principal da premiação, “Cidade Inteligente”, a cidade chinesa de Shangai foi a grande vencedora. Veja abaixo lista completa dos projetos premiados e, para saber mais sobre a premiação, acesse o site do concurso aqui. 

Premiados:

Categoria “Cidade Inteligente” – Shangai.

Categoria “Inovação contra COVID-19” – Werkit (empresa), de Nova York, com o projeto “Adaptações inovadoras para o “Futuro do Trabalho” no mercado digital global na Zâmbia”.

Categoria “Tecnologias catalizadoras” – Shenzhen (município chinês), com o projeto “Cidade digital – tecnologias fazem uma cidade melhor”.

Categoria “Meio ambiente urbano” – Microsoft (empresa) em Munique (Alemanha), com o projeto “MindSphere City Graph – uma plataforma para Siemens e Microsoft”.

Categoria “Mobilidade” – Pantonium (empresa) de Toronto (Canadá), com o projeto “Utilizando tecnologia para converter rotas fixas de transporte público em transporte sob demanda durante a pandemia de Covid-19”.

Categoria “Governança e economia” – Zencity (empresa) de Tel Aviv (Israel), com o projeto “Decisões baseadas em dados em governos locais”.

Categoria “Qualidade de vida e inclusão” – Governo de Alagoas, com o projeto “Vida Nova nas Grotas - melhoramento de favelas e desenvolvimento urbano baseados em evidências”.




  • Ideias
  • Agenda A ideias é um espaço plural discussão de temas comprometidos com a melhoria do ambiente de negócios e da qualidade de vida dos alagoanos.

  •  
  • Turismo
  • Vídeos

© AGENDA A 2013. All rights reserved