Espetáculo gratuito na orla neste domingo usa arte para mudar nossa visão sobre o lixo

Publicado em 08 de Janeiro de 2017

Como encontrar uma forma inovadora de mudar nossa visão sobre o lixo sem cair em fórmulas desgastadas de campanhas de conscientização modorrentas?

Esse é o desafio do Relix, projeto da agência pernambucana Aliança Comunicação e Cultura que, após trazer a Maceió em 2015 o Festival Internacional de Teatro de Objetos (Fito), desembarcou em Alagoas desde o final do ano passado com uma série de apresentações sobre o tema em escolas e empresas.

Além de uma peça sobre o tema (O Espetaculix), que será apresentada neste domingo, na Praça Multieventos, na Pajuçara, em duas sessões (uma prevista para as 16h e outra paras as 19h), o projeto inclui uma exposição itinerante em homenagem a mulheres catadoras de lixo de Maceió clicadas pelo fotógrafo pernambucano Hélder Ferrer -  cujas imagens percorrerão a orla em 30 bicicletas customizadas para catadores que serão doadas no evento.

“O problema do lixo não será resolvido se for tratado como um tema exclusivo do poder público ou das grandes empresas”, diz Lina Rosa, idealizadora do Relix  e produtora festivais culturais como Sesi Bonecos do Mundo e o Fito . “Acreditamos que intervenções teatrais e exposições de fotografias como essa, que amplificam e dignificam essas mulheres, são meios bem mais eficientes para sensibilizar o cidadão e dar visibilidade ao tema”.

Enquanto em boa parte do mundo o lixo – e sua reciclagem – é visto como um negócio que gera bilhões e movimenta toda uma cadeia, no Nordeste, e em Alagoas particularmente, a maior parte desse lixo sequer vai para aterros sanitários conforme estabelece a lei - e a coleta seletiva, adotada há anos em cidades do mundo inteiro, ainda não passa de um projeto distante.   

Em Alagoas, dados da Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais, Abrelpe, estima que cada alagoana descarta diariamente 760 gramas de resíduos sólidos (sem incluir descarte de construção, hospitalar e de outras fontes), o que gera mais de 2 500 toneladas coletadas por dia.

 

SERVIÇO

Projeto Relix

Programação: Passeios ciclísticos com as Ciclolix, exposição fotográfica e Batuquelix com Magote de Cabriolé, das 9h30 às 15h, seguida por apresentações teatrais na Arena Multieventos às 16h e 19h.



  • Ideias
  • Agenda A ideias é um espaço plural discussão de temas comprometidos com a melhoria do ambiente de negócios e da qualidade de vida dos alagoanos.

  •  
  • Turismo
  • Vídeos

© AGENDA A 2013. All rights reserved