Maior empresa de educação do país compra startup de alagoano por R$ 4,1 milhões

Publicado em 04 de Novembro de 2015

A Kroton, maior empresa de educação do país (dona de marcas como Anhanguera, LFG, Unopar e Pitágoras, esta com presença em Alagoas) anunciou a compra por R$ 4,1 milhões da startup Studiare,  empresa que tem entre seus sócios o alagoano Murilo Andrade, ex-aluno do Intituto Federal de Alagoas, do campus de Maceió.

A startup, que já trabalhava em associação ao grupo desde 2013, desenvolveu algoritmos e plataformas adaptativas de aprendizado (sistemas moldados de acordo com as necessidades do estudante) e ferramentas de gamificação, big data e gestão acadêmica. Na prática, o sistema funciona como uma espécie de guia para alunos e professores identificarem as lacunas no aprendizado e recebam indicações dos temas que devem ser estudados para alcançar melhores resultados.  

Apesar da aquisição da startup, o alagoano Murilo Andrade e o sócio carioca Felipe Mattos continuam à frente da empresa (agora como executivos contratados da Kroton) para o desenvolvimento da plataforma.

Formado pelo Ifal (à época Cefet) em 2003, Murilo saiu de Maceió aos 17 anos para estudar no Instituto Militar de Engenharia (IME) no Rio de Janeiro, de onde partiu para a Escola Politécnica (École Polytechnique) em Paris. Após trabalhar em um banco em Londres, na Inglaterra, o alagoano decidiu voltar ao Brasil em 2013 - quando foi convidado a desenvolver o aplicativo.  



  • Ideias
  • Agenda A ideias é um espaço plural discussão de temas comprometidos com a melhoria do ambiente de negócios e da qualidade de vida dos alagoanos.

  •  
  • Turismo
  • Vídeos

© AGENDA A 2013. All rights reserved