Filme alagoano é um dos 15 pré-selecionados para disputar indicação brasileira ao Oscar

Publicado em 14 de Outubro de 2021

Um filme alagoano está entre os 15 filmes brasileiros de longa-metragem inscritos na Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais como apto a disputar a vaga de representante do Brasil na categoria Melhor Filme Internacional no Oscar 2022.

“Cavalo”, misto de ficção e documentário sobre a presença das religiões de origem africana no corpo, na dança e na cultura, dirigido por Werner Bagetti e Rafhael Barbosa, foi selecionado pela Academia Brasileira de Cinema ao lado de produções como “7 Prisioneiros”, que estreia na Netflix em 11 de novembro (e tem no elenco Rodrigo Santoro), “Doutor Gama”, biografia sobre o abolicionista e republicano negro que ajudou a libertar mais de 500 escravizados durante o Império, “Carro Rei”, com os atores Matheus Nachtergaele e os alagoanos Luciano Pedro Jr e Ane Olive, entre outras produções (veja lista completa abaixo).

“Essa não é uma vitória apenas de Cavalo, mas uma prova da consistência, maturidade e qualidade dos profissionais que trabalham no audiovisual no Estado”, diz o diretor Rafhael Barbosa.

Primeiro longa-metragem alagoano realizado com edital público (foi um dos projetos selecionados pelo Prêmio Guilherme Rogato, edital lançado pela Prefeitura de Maceió, por meio da Fundação Municipal de Ação Cultural, em 2015), Cavalo foi exibido em 11 cidades brasileiras (incluindo Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Salvador, Brasília e Fortaleza) recebendo elogios da crítica e de personalidades como o jornalista Zeca Camargo, o cineasta alagoano Cacá Diegues, os atores Matheus Nachtergaele e Erom Cordeiro, entre outros.

De acordo com a Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais, a votação final do filme (entre os 15 inscritos) selecionado para representar o Brasil no Oscar será divulgado nesta sexta (15).

Neste sábado (16), o filme será exibido mais uma vez em Maceió gratuitamente no projeto Cine Cidadania, do Cine Arte Pajuçara, às 14 horas. Após a exibição vai acontecer a conversa "Identidades afro-diaspóricas e o imaginário alagoano", com participação de Edson Bezerra, Allexandrea Constantino e Joelma Ferreira.

Veja lista completa dos inscritos aqui.




  • Ideias
  • Agenda A ideias é um espaço plural discussão de temas comprometidos com a melhoria do ambiente de negócios e da qualidade de vida dos alagoanos.

  •  
  • Turismo
  • Vídeos

© AGENDA A 2013. All rights reserved